Aviso no Topo do Site
Acompanhe as últimas notícias de Tapes e Região.

Diversos problemas de saúde têm no calor o seu gatilho – assim como outros tanto são disparados em razão do frio –, mas um deles, em especial, vem trazendo preocupação para as autoridades da área da Saúde no RS.

E não se trata de uma condição causada por problemas biológicos, mas sim uma que tem origem num pequeno aracnídeo: a aranha-marrom.

As aranhas-marrons não são agressivas, picam apenas quando comprimidas contra o corpo. A picada não causa dor imediata, que só surge de 12 a 24 horas depois do acidente, junto com ardência e escurecimento da pele. A ferida pode evoluir para uma necrose.

Esses aracnídeos têm hábitos noturnos e são pequenos, medindo aproximadamente um centímetro de corpo e três de envergadura das patas. Apresentam coloração marrom-avermelhada e abdômen em formato de caroço de azeitona.

As aranhas-marrons vivem principalmente dentro das casas, camufladas entre as roupas, toalhas e lençóis, escondidas atrás de móveis e quadros ou em sótãos, porões e garagens.

Para se prevenir, algumas ações simples podem fazer a diferença, como sacudir roupas, sapatos, toalhas e lençóis antes de utilizá-los e manter a casa e pátios sempre limpos.

Registro de acidentes

Os dados do CIT mostram que, em 2019, até dia 10 de dezembro, O Estado do RS registrou um total de 736 acidentes com Loxosceles.

Foram registradas mais picadas de aranha-marrom nas proximidades de Caxias do Sul (290), Passo Fundo (80), Vale do Sinos e Vale do Caí (71), Pelotas (67) e Erechim (52). Nas outras regiões do Estado existe a presença do aracnídeo, mas os registros de acidentes são menos expressivos.

Em caso de acidente é importante o acompanhamento médico e laboratorial. Mais informações e esclarecimento de dúvidas podem ser buscados pelo telefone 0800-721-3000, no plantão 24 horas do CIT.

Dicas de prevenção:

– Manter a residência e os arredores sempre limpos;

– Afastar e limpar atrás dos móveis (camas, balcões, armários) e quadros;

– Sacudir as roupas antes de vestir;

– Evitar deixar roupas penduradas nas paredes;

– Manter as camas afastadas da parede;

– Sacudir lençóis e toalhas antes de usá-los.

Campartilhe.

Sobre o Autor

Deixe Um Comentário


Banner publicidade 728 x 90 RODAPÉ
AGORA É HORA DE SER VOCE?