Aviso no Topo do Site
Acompanhe as últimas notícias de Tapes e Região.

O final de semana foi agitado no cenário político de Tapes.  As convenções partidárias definiram os nomes dos pré-candidatos que irão disputar as eleições. Este ano devido a pandemia o pleito deverá ocorrer no dia 15 de novembro.

Mas não foi só a data que mudou. A forma de fazer política também. Será uma eleição diferente e os candidatos deverão se adaptar as redes sociais. A internet ganhou força e será fator determinante nestas eleições.

E já na arrancada se percebe isso. Na última semana e principalmente no sábado e no domingo as redes sociais de Tapes já mostraram sua intensidade. Para o bem e para o mal como é comum neste território ainda desconhecido por muitos candidatos.

Houve manifestações de apoios principalmente para alguns pré-candidatos á vereador que se destacaram por serem conhecidos não só na cidade mais também pelas redes sociais.

Sobrou mesmo para os candidatos a prefeito e vice. E não pouparam ninguém.

O PDT viu seu pré-candidato á vice prefeito ser bastante criticado por ter negócios na serra e nos últimos anos ter se dividido entre Tapes e Canela, onde administra um empreendimento. O fato de estar no 4º mandato como vereador também foi citado como desgastante.

O MDB também não escapou das críticas. A pré-candidata a vice prefeita também estava morando e trabalhando em um município na serra gaúcha.

Já o PP teve as criticas das redes sociais direcionada ao seu candidato a prefeito que já foi prefeito de Tapes e foi criticado por representar um tipo de politica já ultrapassada. Inclusive devido a isso o partido saiu dividido da convenção.

PP lança Garcez e direção do partido renuncia

O racha era previsto mesmo antes da realização da convenção do PP ocorrida no sábado 05.09. Os Progressistas foram os primeiros a definirem as candidaturas.

Durante a semana antes da convenção, as divergências internas entre duas alas do PP ganharam força e intensidade.

Um grupo liderado pelos vereadores Fabiano Dummer e Rosane Pinzon defendia uma coligação com o MDB. A vereadora Rosane seria vice do candidato do MDB.  Defendiam a união das oposições.

A direção do PP chegou a realizar várias reuniões com outros partidos. Este grupo estava propondo uma frente que unisse toda a oposição. Porém no dia da convenção sofreram um revés da ala ligada ao ex-prefeito Garcez que venceu a convenção pela diferença de apenas 5 votos.

Luiz Carlos Garcez participa da política desde de 1977 e já foi prefeito em duas oportunidades. Concorreu outras cinco onde foi derrotado.

Além de criticar o ex-prefeito Garcez por acharem suas ideias ultrapassadas,  o grupo de vereadores e da direção até então do partido, também não simpatizavam com a escolha do vice na chapa, vereador Eduardo Simchem do DEM.

Devido a essa situação o partido saiu rachado ao meio da convenção e o caso teve desdobramento durante a semana.

Integrantes do diretório do PP afirmaram após a convenção que o partido está dividido e que não havia consenso e dificilmente a situação poderia ser revertida. Um pré-candidato a vereador chegou afirmar em off que não faria campanha para o candidato do partido Luiz Carlos Garcez.

E isso foi comprovado durante a semana quando a direção do PP renunciou seus cargos e o grupo do ex-prefeito Garcez ficou com o partido sem direção política. Tendo que assumir a presidência um dos assessores do ex-prefeito. Em um grupo de whatsApp da ala Garcezista a renúncia da direção do PP foi comemorada.

Guilherme Schinoff é o candidato do PDT e aposta em uma Frente de esquerda

O PDT de Tapes definiu em convenção no sábado, 12.09, os nomes de seus candidatos á prefeito, vice e vereadores.

O chefe de gabinete Guilherme Schinoff, 36 anos, foi escolhido para ser o candidato a prefeito e o vereador Leonardo Petry para vice pelos trabalhistas.

Guilherme Schinoff é funcionário público concursado a 15 anos. Se destacou quando foi escolhido apelo prefeito Silvio Rafaeli para assumir o principal posto dentro do governo. Como chefe de gabinete, Schinoff esteve à frente de inúmeros projetos do governo entre eles o projeto de calçamento e a realização de eventos como o carnaval.

O fato de ser jovem ao mesmo tempo que demonstra que o PDT busca renovação de seus quadros, também gera criticas da oposição que questiona a falta de experiência.

Se por um lado Guilherme Schinoff é criticado por ser jovem, este fato somado as posições politicas mais ligadas as questões sociais e sensibilidade aos movimentos populares, levou uma aproximação com os partidos de esquerda.

Neste mesmo final de semana o bloco de esquerda PSOL, PT, PC do B definiram em suas convenções, realizar uma coligação com o PDT.

Estes partidos lançaram apenas candidaturas para Câmara de Vereadores e segundo as lideranças da Frente de Esquerda, a candidatura de Schinoff representa uma continuidade no Movimento Ele Não.

Os dirigentes do PSOL, PT e PC do B apontam as candidaturas do PP e do MDB como sendo ligadas ao Bolsonarismo e apoiadoras do governo Bolsonaro. E desta forma optaram por fazer uma Frente Democrática e Popular reforçando a candidatura do PDT.

O MDB escolhe Juarez Petry e sente-se traído pelo PP

O MDB realizou neste domingo sua convenção onde definiu suas candidaturas. Juarez Petry deverá ser o candidato a prefeito e a ex-vereadora Fernanda Meirelles será a vice na chapa dos emedebistas.

Após a convenção do PP realizada uma semana antes, o MDB subiu o tom das criticas aos progressistas chamados de traidores. Um dirigente do MDB chegou afirmar que parte do PP vai apoiar o MDB. E acrescentou como confiar em um candidato que trai inclusive a direção de seu partido e por vaidade e projeto pessoal o Garcez acabou colocando em risco a vitória da oposição que vai sair dividida.

Outro dirigente que já foi vice prefeito publicou em vários grupos de whatsApp de apoiadores do MDB um vídeo de uma entrevista realizada no programa de debates na Lagoa TV onde o ex-prefeito Garcez faz duras criticas ao PP e afirma que iria se desfiliar e sentia-se envergonhado de ter sido do PP. Garcez se desfiliou realmente para depois voltar ao partido.

Campartilhe.

Sobre o Autor

Deixe Um Comentário


Banner publicidade 728 x 90 RODAPÉ
AGORA É HORA DE SER VOCE?