Aviso no Topo do Site
Acompanhe as últimas notícias de Tapes e Região.

Rádio Cidade Camaquã / Portal A Notícia Tapes

O Ex-prefeito João Carlos Machado ingressou com ação no Poder Judiciário por danos morais, contra o atual Prefeito de Camaquã Ivo Ferreira e o Secretário de Saúde, Luciano Pereira Dias, por imputar ao seu governo a existência de quadrilha. Na mesma ação a Rádio Acústica FM foi citada por não fornecer cópia de áudio constando as acusações.

A ação tem como objeto a reparação de danos morais impingidos ao autor em virtude dos assuntos tratados em reunião ocorrida no dia 23 de agosto de 2019, numa sexta-feira, no Gabinete do Prefeito Ivo Ferreira, com vereadores, secretários municipais e representantes da Rádio Acústica FM e de um website de notícias pertencente a emissora, a convite do Prefeito Ivo Ferreira. Por ocasião dessa reunião, conforme o relato de testemunhas, o Prefeito de Camaquã se referiu de maneira extremamente ofensiva à honra do ex-Prefeito de Camaquã, gestão 2013-2016, quando desqualificou o mesmo e seus comandados atribuindo-lhes o termo desqualificativo de “Quadrilha”.

O conteúdo dos assuntos tratados na citada reunião pelo Secretário Municipal da Saúde Luciano Pereira Dias e o Prefeito Ivo Ferreira, deu origem à publicação de reportagem com conteúdo que lançava suspeitas à idoneidade, imagem e reputação de João Carlos, pelo website da Rádio Acústica FM.

Além de entrevista no Programa Esquina Democrática, no dia 24 de agosto de 2019, num sábado pela manhã, na rádio Acústica FM, o Secretário Municipal da Saúde, fez acusações e ilações acerca da honra e da conduta do ex-Prefeito João Carlos Machado, de servidores públicos municipais e prestadores de serviço na área, na gestão 2013- 2016. E, principalmente, em entrevista exclusiva, concedida à mesma emissora, no Programa Primeira Hora, comandado pelo proprietário e diretor daquela Rádio, Fábio Renner, no dia 26 de agosto de 2019.

O Prefeito Ivo e o Secretário Municipal de Saúde ficaram por quase duas horas no ar fazendo insinuações. O representante da Saúde em Camaquã, Secretário Luciano, utilizou o termo “QUADRILHA”, novamente, no ar, com a “finalidade de achacar a honra do ex-Prefeito”. Conforme teor da ação. 

A ação ajuizada requer ainda que seja oficiada a Rádio Acústica FM, para que exiba os documentos solicitados já pedidos de forma administrativa,  cópia da gravação feita em telefone celular de propriedade da emissora, por seus representantes, da reunião ocorrida no dia 23/08/2019, no Gabinete do Prefeito Ivo Ferreira.

Assim como disponibilize os dados, também já solicitados a Rádio Acústica, através de notificação extrajudicial, pedido até o momento sem resposta.

O processo tramita na 1ª Vara Civil da Comarca de Camaquã.

Com informações Rádio Cidade / Camaquã

Campartilhe.

Sobre o Autor

Deixe Um Comentário


Banner publicidade 728 x 90 RODAPÉ
AGORA É HORA DE SER VOCE?