Aviso no Topo do Site
Acompanhe as últimas notícias de Tapes e Região.

O governo do Rio Grande do Sul começou na manhã desta terça-feira a distribuição das doses da vacina CoronaVac contra a Covid-19 para o interior do Estado. 

 As Coordenadorias Regionais retiraram as doses na Central Estadual de Armazenamento e Distribuição de Imunobiológicos (Ceadi), em Porto Alegre.  

 Tapes compõem a região metropolitana. Juntamente com outros 64 municípios receberão 26 mil doses nesta primeira leva para ser divididos pelos municípios. 

 De acordo com os critérios nesta primeira leva serão priorizados profissionais de saúde da linha de frente do combate contra o Covid-19, assim como equipes de vacinadores, idosos acima de 60 anos ou pessoas com deficiência em lares de longa permanência e indígenas. 

A SES informou que a distribuição do imunizante acontecerá de forma parecida com outras campanhas de vacinação. As vacinas serão levadas até as coordenadorias de saúde, e cada município terá a responsabilidade de buscar as doses. E garantir a vacinação de sua população.

Tapes compõem a 1ª Coordenadoria Regional de Saúde. Portanto deverá buscar as vacinas em Porto Alegre. Na primeira fase da vacinação serão distribuídas 26 mil doses entre os 66 municípios que compõem a 1ªCRS.

 Até o momento a Prefeitura de Tapes e nem a Secretaria Municipal de Saúde se manifestaram oficialmente informando a população como será a vacinação na cidade.  

Em Camaquã  a prefeitura informou na segunda-feira que se prepara para vacinar mil pessoas. A primeira pessoa a receber vacina contra a Covid-19 em Camaquã deve ser um profissional da saúde.

Na manhã desta terça-feira o secretário municipal de saúde, Renato Cabeleireiro, concedeu entrevista ao portal Clic Camaquã onde detalhou  como será a vacinação contra a Covid-19 no município.

 Confira o que se sabe sobre o início da imunização no Estado: 

Qual a vacina que o Estado recebeu? 

CoronaVac, vacina produzida pela farmacêutica chinesa Sinovac em parceria com o Instituto Butantan, de São Paulo. 

Quantas doses o RS recebeu? 

São 341,8 mil doses da CoronaVac 

Quantas pessoas poderão ser vacinadas? 

Segundo as contas do Piratini, serão imunizadas neste primeiro momento 168.080 pessoas. 

Quem será vacinado com esse primeiro lote da CoronaVac? 

Serão 122.914 profissionais de saúde, 30.111 idosos com mais de 60 anos ou pessoas com deficiência em lares de longa permanência e 15.055 indígenas. Os números ainda podem ser calibrados ao longo dos próximos dias. 

Como esses grupos foram escolhidos? 

Pela avaliação de risco de exposição ou de agravamento da doença em caso de contaminação. 

Onde essas pessoas serão vacinadas? 

Os imunizantes serão encaminhados aos locais de trabalho dos profissionais de saúde, às aldeias indígenas e às instituições de longa permanência, como casas geriátricas. 

Haverá vacinação em postos de saúde também? 

Não. Nesta fase inicial da campanha, os postos de saúde não terão vacinas contra a covid-19. 

As doses chegaram ao RS. Como e quando serão enviadas aos municípios? 

Depois do desembarque, a carga de imunizantes começou a ser encaminhada para todas as 18 coordenadorias regionais de saúde. As vacinas vão para o interior do RS de duas formas: por meio da frota de veículos própria da Secretaria Estadual de Saúde (SES) e de aviões da Secretaria da Segurança Pública, que partem nesta terça-feira (19). 

Quantas doses cada município receberá? 

O número de vacinas que cada cidade gaúcha receberá ainda não havia sido informado. O único município que já sabia, até a tarde desta segunda, quantas pessoas poderá imunizar era Porto Alegre: serão 51,6 mil doses para a primeira aplicação. O governo explicou que a quantidade de imunizantes para cada cidade vai ser definido de acordo com o tamanho do grupo prioritário existente em cada município.  

Todos os 497 municípios gaúchos serão contemplados já na largada do programa de imunização contra o coronavírus no Estado. Mesmo as menores cidades terão direito a uma quantidade mínima de imunizantes. 

Quando será aplicada a segunda dose da CoronaVac? 

Cerca de 171 mil doses estão reservadas para a segunda aplicação da CoronaVac, que deverá ocorrer entre duas e quatro semanas depois da primeira.

Campartilhe.

Sobre o Autor

Deixe Um Comentário


Banner publicidade 728 x 90 RODAPÉ
AGORA É HORA DE SER VOCE?