Aviso no Topo do Site
Acompanhe as últimas notícias de Tapes e Região.

O paciente estava internado no Hospital Nossa Senhora Aparecida, em Camaquã e aguardava resultado do exame

Morreu nesta sexta-feira 03.04 no hospital de Camaquã uma pessoa com suspeita de coronavírus. A vítima tinha 37 anos e era de Dom Feliciano.

O paciente tinha problemas cardíacos e passou por um cateterismo.

Após a intervenção cirúrgica, o quadro evoluiu para pneumonia, fazendo com que o homem fosse isolado e tivesse amostra coletada para exame de coronavírus.

Como a coleta foi realizada recentemente, o protocolo exige que seja relatada suspeita de COVID-19, até que o resultado do exame seja divulgado.

O prazo para divulgação do resultado dura uma semana após a coleta e o envio do material para o laboratório do governo do Estado. Com o aumento da demanda pode demorar até 10 dias.

O Lacen- Laboratório Central de Saúde Pública do Rio Grande do Sul é o responsável pela realização de exames dos casos suspeitos.

Campartilhe.

Sobre o Autor

Deixe Um Comentário


Banner publicidade 728 x 90 RODAPÉ
AGORA É HORA DE SER VOCE?