Aviso no Topo do Site
Acompanhe as últimas notícias de Tapes e Região.

O presidente do PL – Partido Liberal, do município de Chuvisca, Jucelino Gomes, protocolou na Câmara Municipal de Vereadores um pedido de informação sobre a notícia que circula em Chuvisca, de que um vereador teria furado a fila de vacinação contra a Covid-19.
Na semana passada, uma técnica de enfermagem de Chuvisca foi demitida após um processo de sindicância interna ter concluído que a profissional praticou fraude ao vacinar oito pessoas de sua relação pessoal, moradoras de Arambaré.
Em Chuvisca, circulam comentários de que “um vereador, que também seria motorista do município, teria se beneficiado com a vacina contra a Covid, furando a fila, não obedecendo os critérios de faixa etária ou grupo prioritário”.
O presidente da Câmara de Vereadores, Márcio Sidinei Konflanz foi procurado pela reportagem da Rádio Cidade o qual afirmou que  tem ouvido comentários sobre a suposta fraude, porém nenhuma denúncia formal teria chegado à mesa diretora da Câmara. Márcio afirmou que caso receba denúncia formal, a Câmara Municipal de Chuvisca irá investigar.
O ex-vereador Jucelino Gomes, atual presidente do PL em Chuvisca, disse durante comentário no programa Cidade Aberta da Rádio Cidade que, “caso a mesa diretora da Câmara não tome nenhuma providência, o mesmo levará a denúncia ao Ministério Público”.
A Assessora Jurídica do município, Dra. Lillian Alexandre Bartz, disse à Rádio Cidade que a comissão de sindicância não apurou nada sobre a participação do vereador na irregularidade.
Fonte : Rádio Cidade Camaquã
A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Portal A Notícia se financia por meio da sua própria comunidade de leitores. Nossos conteúdos são abertos a todos e todas leitoras, mas você pode apoiar através de assinaturas solidárias. Veja como:
Campartilhe.

Sobre o Autor

Deixe Um Comentário


Banner publicidade 728 x 90 RODAPÉ
AGORA É HORA DE SER VOCE?