Aviso no Topo do Site
Acompanhe as últimas notícias de Tapes e Região.

O prefeito de Tapes e presidente do Consórcio Intermunicipal Centro Sul, Silvio Rafaeli, sugeriu a realização de lockdown como medida de frear a curva de Coronavírus na região.

A informação foi divulgada durante entrevista realizada pela rádio Acústica FM com o prefeito.

Lockdown é a versão mais rígida do distanciamento social e quando a recomendação se torna obrigatória. No cenário pandêmico, essa medida é a mais rigorosa a ser tomada e serve para desacelerar a propagação do novo Coronavírus, quando as medidas de isolamento social  e de quarentena não são suficientes e os casos aumentam diariamente.

Na manhã desta terça-feira 28.07 haverá uma reunião com o procurador geral do Ministério Público, para discutir as medidas impostas sobre as bandeiras de distanciamento controlado.

Segundo o presidente do Consórcio de prefeituras da região, um comitê com especialistas na área da saúde foi criado para embasamento científico das decisões.

Os prefeitos da região centro-sul concordam em assumir a responsabilidade de tentar reverter a situação econômica da Costa Doce.

Rafaeli sugeriu a criação de uma campanha de conscientização de cuidados contra o vírus, com apoio do comércio: “Nós queremos provar que não é o comércio que está contaminando e são as aglomerações irresponsáveis que provocam o aumento da curva da doença”, destaca.

O presidente do Consórcio Centro Sul defende lockdown como medida de conter a disseminação do vírus como plano B.

Segundo o prefeito Silvio Rafaeli, se a curva continuar subindo poderia ser programado um confinamento durante 15 dias: “essa é uma possibilidade, de abrir o comércio nos dias certos e fazer e fechamento nos outros, mas essa ideia deve ser estudada”, destaca.

 

Com informações da rádio Acústica FM

Campartilhe.

Sobre o Autor

Deixe Um Comentário


Banner publicidade 728 x 90 RODAPÉ
AGORA É HORA DE SER VOCE?