Aviso no Topo do Site
Acompanhe as últimas notícias de Tapes e Região.

Na tarde deste sábado 15.08, os três partidos de esquerda se reuniram para debater uma estratégia unificada para estas eleições de 2020 em Tapes.

A reunião foi virtual e contou com a participação das direções partidárias do PT, PSOL e PC do B que definiram atuar em conjunto nestas eleições.

Foi oficializado a constituição de um bloco de esquerda que deverá construir uma plataforma eleitoral com propostas para desenvolvimento social e econômico de Tapes,

Entre estas propostas estaria a participação popular e projetos de infra estruturas e melhorias para os bairros assim como politica de desenvolvimento que gere renda e empregos para os trabalhadores e trabalhadoras tapenses e também fortaleçam pequenos e médios comerciantes.

A questão ambiental, políticas públicas para povo de terreiro, comunidade LGBTI+, contra o racismo, contra violência a mulher e criação de espaços para juventude.

O bloco de esquerda manifestou sua oposição ao governo Bolsonaro que é apontado pelos partidos como negligente no combate a pandemia do Coronavírus e responsável pelo agravamento e número de mortes devido a ineficiência do Ministério da Saúde.

Também foi criticado a atual política econômica do governo Bolsonaro que elevou os índices de desemprego que com a pandemia aumentou de forma assustadora.

Também foi citado que o Auxílio Emergencial de R$ 600,00 só foi viabilizado após a oposição de esquerda derrubar no congresso nacional a proposta do governo que era de apenas R$ 200,00.

Serão três chapas de candidatos a vereador. Uma de cada partido.

Quanto a possível coligação com outro partido a decisão das três siglas que compõem o bloco de esquerda de Tapes, é que não irão conversar com partidos ou candidaturas que apoiaram Bolsonaro nas últimas eleições.

Campartilhe.

Sobre o Autor

Deixe Um Comentário


Banner publicidade 728 x 90 RODAPÉ
AGORA É HORA DE SER VOCE?