Aviso no Topo do Site
Acompanhe as últimas notícias de Tapes e Região.

Diante de uma seca histórica nos principais reservatórios de usinas hidrelétricas e do risco de um novo racionamento no país, o governo federal estuda criar uma nova faixa, mais cara, no sistema de bandeiras tarifárias da conta de luz ou elevar o valor já cobrado hoje no patamar mais alto – a bandeira vermelha 2.

Esse cenário ruim já se desenhava desde o fim do ano passado, tanto que o governo aciona, desde outubro, termelétricas que geram energia muito cara. E a conta vai para o consumidor.

A Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) já aumentou a tarifa de energia  a partir do inicio deste mês de junho, com a aplicação do segundo patamar da bandeira vermelha. Será cobrado nas contas de luz de todos os consumidores um valor adicional de R$ 6,24 para cada 100 kwh de energia consumidos.

A tendência é que a conta de luz fique em patamar alto por um tempo e não é descartado novo aumento nos próximos dias.

O Ministério de Minas e Energia vai autorizar a contratação de usinas térmicas que estão fora de produção atualmente, sem contratos. O operador nacional do sistema vai poder acioná-las sempre que achar necessário. O ministro Bento Albuquerque  já assinou essa portaria, falta a publicação no Diário Oficial.

O ministro disse que não é possível saber ainda quantas usinas serão acionadas nesse esquema nem o custo da operação. Falou que além do uso das térmicas, o sistema elétrico está buscando reforço com a importação de energia da Argentina e do Uruguai, e que a crise hídrica terá impactos em atividades que também dependem dos rios como navegação, agricultura e turismo.

Por isso, tome cuidado com os vilões da conta de luz da sua casa. 

O chuveiro elétrico é o aparelho que mais consome energia em uma residência, representando de 25% a 35% do valor da conta. Sozinho, ele pode gastar a mesma energia que 54 TVs ligadas ao mesmo tempo. Para economizar, tome banhos mais curtos de até 5 minutos. Evite colocar o chuveiro na potência máxima, pois com a temperatura regulada no modo inverno o gasto aumenta em 30%.

A geladeira é outro aparelho que consome muita energia em uma residência, cerca de 25% do valor da conta de luz, pois precisa ficar ligada o tempo todo para conservar os alimentos. Uma das maneiras de reduzir o gasto é só deixar a porta da aberta o tempo que for necessário, pois cada vez que se abre a geladeira, o ar frio escapa e o motor trabalha mais para esfriar tudo de novo.

O ferro pode representar até 7% da conta de energia da casa. Por isso, acumule roupas para passar de uma só vez, pois o aquecimento do ferro demanda muita energia. Outra dica é deixar as roupas que precisam de menos calor para passar por último. Assim, dá para desligar o ferro e passá-las aproveitando que o aparelho ainda está quente.

Ar-condicionado é gostoso, mas gasta! Prefira o ventilador sempre que possível, pois, segundo o Centro Brasileiro de Informação de Eficiência Energética (Procel) o consumo médio de um ar-condicionado é pelo menos 10 vezes maior do que um ventilador de mesa ou de teto Não deixe portas e janelas abertas em ambientes com ar-condicionado para evitar a entrada de ar quente e obrigar, desse modo, obrigar o aparelho a trabalhar mais.

O consumo da de uma máquina de lavar pode representar cerca de 2% a 5% da conta de luz de uma casa. Para economizar, junte o máximo de roupas para aproveitar a capacidade total da máquina e assim utilizá-la menos vezes. Dessa maneira é possível economizar na conta de luz e também na conta de água.

Segundo a Aneel, os aquecedores de ambiente estão entre os maiores consumidores de energia elétrica no inverno: nessa estação, ele pode ser o responsável por um terço do gasto de eletricidade doméstico. Por isso, evite deixar o aquecedor ligado por longos períodos e utilize-o apenas enquanto estiver no ambiente. O ideal é ligá-lo até o cômodo ficar aquecido e depois desligar. Certifique-se de que não há corrente de ar no ambiente, para que o ar quente do aparelho não escape.

Enxugue bem o cabelo antes de usar secador ou chapinha, pois estes aparelhos consomem bastante energia. Se quer economizar, seque bem o cabelo com a toalha antes de usá-los.

Campartilhe.

Sobre o Autor

Deixe Um Comentário


Banner publicidade 728 x 90 RODAPÉ
AGORA É HORA DE SER VOCE?